Motorista irresponsável atropela 20 ciclistas na Massa Crítica de Porto Alegre

terça-feira, 1 de março de 2011

É lamentavel o ocorrido na última sexta-feira (25/02/11) com os integrantes da Massa Crítica de Porto Alegre, 20 dos quais sofreram atropelamento criminoso por parte de um motorista enfurecido e irracional. Não há argumentos que possam justificar ao menos o atropelamento de um ÚNICO ciclista dali.



Com ou sem policiais fazendo a escolta, bloqueando ou não a rua, com ou não a troca de agressões fisicas e verbais...não há explicação plausível que justifique ao menos um raio de bicicleta amassado que o monstrorista assassino tenha causado.

O Código de Trânsito Brasileiro assegura que todo ciclista tem direito de andar na rua, que sempre o maior no trânsito deve proteger o menor, que nenhuma passeata deve ser "furada"...enfim, há vários amparos em lei a respeito disso. Não obstante, no Código Penal(art. 25) a legítima defesa mencionada no caso se faz de modo MODERADO, proporcional à ameaça que a causou.

Dessa forma a Bicicletada de Natal repudia de forma enérgica tal ato e é solidária às vítimas desse ato de insanidade.

Que se faça a justiça!

Bicicletada Natal


Carta de um cicloativista



Nós da Bicicletada / Massa Crítica Natal

Manifestamos nossa indignação e solidariedade com os camaradas de Porto Alegre diante do episódio de barbárie ocorrido na última sexta feira, 25 de fevereiro de 2011, em que um motorista atropela propositadamente cerca de 20 ciclistas participantes da Massa Crítica e fugindo do flagrante de tão hediondo crime, deixando muitos feridos. Felizmente, todos já foram liberados do Hospital.

O atentado é profundamente doloroso para nossos camaradas gaúchos, mas também o é para todas as Bicicletadas/Massas Críticas do país e do mundo, pois do mesmo modo que aconteceu em Porto Alegre poderia(e pode) acontecer em qualquer estado, pois a Sociedade do Automóvel estimula a prepotência, a violência e a irracionalidade que gera mais de 1 milhão de mortes em todo o mundo (metade destes, pedestres e ciclistas).

Mas, esse triste acontecimento não enfraquece as centenas de movimentos espalhados pelo mundo que questionam a mentalidade venenosa e violenta do individualismo motorizado (entre eles, a Massa Crítica/Bicicletada brasileira), mas antes nos fortalece, pois reafirma nossa convicção do dano concreto que é causado à humanidade a cada instante, com vidas preciosas e inocentes sendo perdidas em troca de um luxo e um egoísmo que é o uso cotidiano do automóvel e a prioridade dada pelas políticas públicas ao carro, entupindo as ruas e nossas vidas de gaiolas de metal, poluição e opressão.

É urgente a transformação de nossa forma de pensar o transporte na sociedade, a maneira em que convivemos uns com os outros e com o espaço público, qual o propósito da cidade e que tipo de qualidade de vida queremos para nós. E a cada trágica prova do mal causado pela mentalidade atual, mais urgente se torna essa mudança!
 

Lex

3 comentários:

Anônimo disse...

este psicopata,do atropelamento saiu ezatamente conforme o GEM egoista programou.Totalmente egoista,na pose da direção virou super homem.Sendo funcionario federal e bom alquem dar uma checada no setor de trabalho,este homo sapiens e totalmente desprovido de qualquer altruismo e tem mais,se mecher no passado dele vamos horrorizar-nos.

AUGUSTO CFV disse...

É um absurdo, a impunidade da branda lei trânsito que protege demais os motoristas!
Será que dirigir um carro dá o direito de matar ou mutilar pessoas inocentes?

RenatoGaldino disse...

PAZ, AMOR, MENOS MOTOR!!!

 

FACEBOOK

Quando acontece?

Quando: toda última sexta-feira do mês.
Onde: concentração no IFRN, Salgado Filho.
Horário: a partir das 19 horas e saída as 19:30hs.

O roteiro (suscetível a alterações a qualquer tempo) é definido no ato da concentração.

Qualquer um pode participar, não importa o sexo ou a bicicleta, não fazemos competição, não fazemos só um passeio, fazemos ciclopasseata, cicloativismo, paramos em sinais, abrimos faixas, cartazes, panfletamos, conversamos com motoristas e nos divertimos muito assim, promovendo a bicicleta na cidade.

Então, chame seus amigos e junte-se a nós!
Leve faixas, cartazes, placas, personalize sua bike, ou seja, use sua criatividade para transmitir à cidade nossos ideias.
A participação é livre e gratuita, venham para somar.

É desejável o uso de equipamentos de segurança como capacete e luzes sinalizadoras.

Menores de idade somente acompanhado de um responsável.

Pense a respeito

"Não é demonstração de saúde ser bem ajustado a uma sociedade profundamente doente". - Krishnamurti

"Nunca duvide que um pequeno grupo de pessoas motivadas e comprometidas possa mudar o mundo" - Margaret Mead

"Posso não conseguir mudar o mundo, mas vou me divertir tentando" - Anônimo

"Precisamos em Natal na verdade, é de Mobilidade Humana" - Milena Trigueiro

"Bicicletada Natal, não é um grupo de passeio, é um estado de espírito" - Clebson Melo

Sem Ciclos

Sem Ciclos
É um blog desenvolvido pela Bicicletada Natal/RN para catalogar os acidentes envolvendo ciclistas no estado. Tem por objetivo argumentar a necessidade da estrutura e da segurança para os ciclistas, de forma que entada-se que o uso da bicicleta está além da diversão e lazer e que para tanto, necessita de políticas que enxerguem a necessidade de trabalhar esse modal em todos os seus aspectos. Sabe de alguma ocorrência de acidente com ciclista? Informe-nos aqui.